Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘elétrico’

O consórcio israelense Better Place vai investir nos próximos seis anos US$ 1,1 bilhão para viabilizar seu modelo de carro elétrico. Esse montante irá basicamente para a compra de baterias e montagem de pontos de troca e recarga em Israel.

Uma análise do Deutsche Bank sobre carros elétricos concluiu que o modelo israelense é econômico pela diferença entre o preço da eletricidade e o da gasolina. O banco estima que, à medida que os preços globais do petróleo estão subindo e os governos incentivam a fabricação de carros livres de emissões de dióxido de carbono, a diferença em favor do carro elétrico se ampliará ainda mais, tornando o modelo do Better Place mais atrativo.

O Deutsche Bank estima que, por volta de 2016, com 110 mil veículos elétricos, a empresa dominará 5% do mercado de carros de Israel.

Read Full Post »

A Nissan mostrará no Tokyo Motor Show 2009, que abre as portas aos visitantes no dia 24 de outubro, o seu comprometimento com o meio ambiente. Por conta disso as maiores atrações da marca serão veículos criados dentro dos conceitos dos programas de mobilidade urbana e emissões zero. Assim, o estande da Nissan na 41ª edição do evento terá os elétricos Leaf e Land Glider e os compactos Roox e NV200 Vanette Universal Design Táxi, que apresentam novas propostas de transporte nas grandes cidades. Além deles, marcam presença o sedã Fuga reestilizado, o crossover Qazana e a próxima geração do câmbio Xtronic CVT. A mostra japonesa termina dia 4 de novembro.
PA401381

 

O Leaf, que vimos por aqui anteriormente, se propõe ser o primeiro veículo 100% elétrico produzido em grande escala, faz sua primeira aparição para o grande público no Salão de Tóquio. Seu design limpo e inteligente aperfeiçoa a aerodinâmica, reduzindo a resistência do ar e os ruídos provenientes deste atrito. Com baterias de íon-lítio, este hatchback para cinco pessoas oferecerá autonomia de mais de 160 km, marca suficiente para atender às necessidades diárias da maior parte das pessoas que possui automóvel. O avançado sistema de telecomunicação, especialmente desenvolvido para o programa emissão zero da Nissan, conta com uma tela no painel que ajuda o condutor a acompanhar o estado da carga da bateria e a encontrar postos de reabastecimento próximos da área onde o veículo se encontra, por meio do sistema GPS.

 tfollow

Read Full Post »

A General Motors ampliou sua significativa capacidade de desenvolvimento e pesquisa de baterias para o desenvolvimento de carros elétricos e híbridos ao abrir o maior e tecnologicamente o mais avançado laboratório de baterias dos Estados Unidos da América.

O novo Laboratório Global de Sistemas de Baterias levará os avançados recursos globais de engenharia de baterias da GM e irá acelerar o lançamento de veículos acionados eletricamente, incluindo o Chevrolet Volt, bem como os veículos elétricos híbridos e híbridos, além de veículos movidos por células de combustível.

“O novo laboratório global de baterias da GM beneficiará consumidores de todo o mundo, ajudando-nos a avançar no desenvolvimento da tecnologia e a colocar veículos mais limpos e mais eficientes nas ruas de uma maneira mais rápida e acessível,” declarou Fritz Henderson, presidente e executivo-chefe da GM. “Nosso novo laboratório aumenta a competitividade da GM, acelerando o desenvolvimento de nossos veículos híbridos, plug-in e elétricos de autonomia estendida, incluindo o Chevrolet Volt.”

O Laboratório Global de Sistemas de Baterias conta com mais de 3 mil m2 – quatro vezes maior do que o laboratório de baterias anterior – e será usado pela equipe de mais de 1.000 engenheiros que trabalham em baterias e veículos acionados eletricamente.

Volt

Volt

O planejamento teve início em dezembro de 2007 e a construção começou em agosto de 2008. As operações tiveram início em janeiro – nove meses antes da programação. O laboratório passou a funcionar totalmente em maio de 2009, equipado com 160 canais de teste e 42 câmaras térmicas que reproduzem os padrões de condução, temperaturas quentes e frias e vida útil. A capacidade máxima de geração de energia dos laboratórios é de 6 megawatts, eletricidade suficiente para abastecer aproximadamente 1.400 residências.

“Esta instalação é de última geração e representa um dos maiores e mais capacitados laboratórios de teste de baterias do mundo,” declarou Jim Queen, vice-presidente do grupo GM, Engenharia Global. “Mais da metade do laboratório é dedicada ao teste das células eletroquímicas de baterias e suas caixas, conhecidas como módulos, uma capacidade não disponível no laboratório de baterias anterior da GM. O espaço restante do laboratório está comprometido com a avaliação de sistemas/conjuntos completos de baterias.”

O Laboratório de Sistemas Globais de Baterias foi construído no interior das instalações do Centro de Energia Alternativa da GM, e inclui uma série de características ecologicamente corretas como um corredor central com iluminação LED de alta eficiência e um piso feito a partir de pneus reciclados. Aproximadamente 90% da eletricidade usada nos testes de baterias podem ser retornados à grade de energia local para o uso doméstico e comercial.

Novos benefícios oferecidos pelo Laboratório de Sistemas Globais de Baterias incluem uma mesa agitadora térmica para os testes de integridade estrutural das baterias, uma área de desmontagem de baterias para análise de falhas e um sistema integrado de automação de testes.

As alternativas de energia e as tecnologias avançadas que reduzem a dependência do petróleo, melhoram a economia de combustível e reduzem as emissões, são a chave para o desenvolvimento do transporte sustentável. A GM vem buscando diversas opções que atendam de maneira satisfatória as diversas necessidades dos consumidores de todo o mundo – da tecnologia avançada de gasolina, diesel e biocombustível aos veículos acionados eletricamente, como os híbridos e – ultimamente – veículos elétricos de autonomia estendida e veículos movidos por células de combustível. A GM acredita que os veículos acionados eletricamente, com base na tecnologia de baterias e células de combustível de hidrogênio, oferecem a melhor solução de longo prazo para o fornecimento de transporte pessoal sustentável.

Read Full Post »

O mundo vai evoluindo e o Brasil vai acompanhando. A realidade dos carros elétricos está muito próxima do público brasileiro, visto isso, a Petrobras Distribuidora inaugurou hoje, no Rio de Janeiro, seu primeiro posto a oferecer recarga de veículos elétricos a partir de energia solar.

palio_eletrico_sc

Resultado de um projeto pioneiro e desenvolvido internamente com tecnologia 100% nacional, o Eletroposto vem atender uma demanda de veículos elétricos que, segundo pesquisas, registra um crescimento estimado em 50% ao ano.  Atualmente, as motos elétricas já formam uma frota de 300 unidades no país, das quais 180 no Rio de Janeiro, onde circulam duas dezenas de automóveis com a mesma característica ou híbridos.

O Eletroposto foi projetado exclusivamente para o abastecimento de veículos elétricos a partir da energia solar. Ela é captada por um conjunto de 28 módulos reunidos em painéis fotovoltaicos que gera 184 volts em corrente contínua, cuja potência é convertida por um Inversor em energia trifásica alternada de 220 volts. A energia resultante deste processo é oferecida nos pontos de recarga de motos e carros em tomadas de 110 ou 220 volts. Em caso de ausência de luz solar ou demanda de recarga maior do quea projetada, o inversor capta energia da rede externa.

“Trata-se de mais uma iniciativa da Petrobras Distribuidora no sentido de consolidar seu compromisso de reduzir a emissão de dióxido de carbono, buscar a eficiência energética e estimular a pesquisa de energias renováveis”, explica o Diretor da Rede de Postos de Serviço, Edimario Oliveira Machado. Segundo ele, o Eletroposto oferecerá possibilidade de recargas pontuais de 1h a 3h ou a troca de baterias descarregadas por carregadas. Em geral, uma recarga completa permite uma autonomia média de 40 km para a moto e 60 km para um carro elétrico, sendo que o consumo gira em torno dos 1,2 kWh.

Read Full Post »

A Chrysler LLC anunciou hoje que a empresa apresentou três propostas ao Departamento de Energia dos Estados Unidos (DOE) delineando um plano de US$ 448 milhões para colocar rapidamente no mercado veículos elétricos (EV – Electric Vehicles) e híbridos (PHEV – Plug-in Hybrid-eletric Vehicles).

Chrysler_EV_sc

A Chrysler LLC apresentou pedido para duas iniciativas estabelecidas pelo DOE: Iniciativa de Transporte Elétrico e Iniciativa de Produção de Bateria e Componentes para Veículos Elétricos. Ambas são destinadas a acelerar o desenvolvimento, demonstração, avaliação e produção de veículos elétricos (EV) e híbridos (PHEVs). Os programas representam uma oportunidade de compartilhar custos (50/50) com US $ 224 milhões vindos da Chrysler LLC e seus parceiros, combinados com US $ 224 milhões correspondentes do DOE.Estes fundos irão acelerar a introdução e penetração de avançados conjuntos mecânicos no mercado.

“Estas iniciativas representam como o governo e a indústria automobilística estão respondendo ao desafio de alcançar objetivos comuns e demonstram o quão rapidamente este tipo de tecnologia avançada pode ser trazida para o mercado em um ambiente colaborativo”, diz John Bozzella, responsável por Assuntos Externos e Políticas Públicas da Chrysler LLC. “Sem inovação e capacidade de produção americanas, vamos simplesmente comercializar baterias ao invés de petróleo na busca de energia para o transporte.

” Se forem aprovados, os planos da Chrysler LLC de utilizar fundos para produzir uma frota de demonstração e veículos PHEVs e EVs, assim como criar um novo centro de tecnologia e produção de veículo elétrico localizado em Michigan. A proposta permitirá a produção de produtos comercialmente viáveis em pouco tempo, como também irá estimular a economia e ajudar a empresa a alcançar seus objetivos de liderança em desenvolvimento e produção de veículos elétricos.

Read Full Post »

O Mini chega ao mercado com sua versão elétrica. Porém, esse modelo será para poucos, já que apenas 500 unidades foram produzidas para o mundo inteiro e 50 irão só para Berlin, Alemanha.

O Mini chegou a pouco no Brasil e o sistema de carros elétricos e híbridos por aqui ainda não é o principal foco (infelizmente).

Portanto, um modelo elétrico por aqui ainda vai demorar um pouco.

Confiram abaixo as fotos do Mini E.

Mini E.

Mini E.

Bateria

Bateria

Read Full Post »

A Mitsubishi Motors Corporation (MMC) e a PSA Peugeot Citroën anunciaram hoje a assinatura de um protocolo de acordo para a colaboração em torno da produção de um veículo elétrico, baseado em um modelo que está em fase de desenvolvimento na MMC no Japão.

mievEm junho de 2008 as duas empresas haviam iniciado um estudo de viabilidade sobre o desenvolvimento, a fabricação e a utilização de um sistema de tração elétrica para pequenos veículos urbanos.

Os dois grupos chegaram agora a um acordo de parceria para o desenvolvimento de um veículo elétrico adaptado ao mercado europeu, baseado no i MiEV(1) da MMC. Esse veículo será produzido pela MMC e comercializado com a marca Peugeot paralelamente com o i MiEV da Mitsubishi.

Essa nova etapa, benéfica para ambas as montadoras, facilitará e acelerará a introdução de seus veículos elétricos no mercado europeu. As duas empresas devem prosseguir as discussões com vistas a um lançamento comercial no final de 2010 ou início de 2011.

Para a PSA Peugeot Citroën, este acordo permitirá que o Grupo mantenha sua liderança no segmento de veículos que respeitam o meio ambiente. A PSA Peugeot Citroën é atualmente o primeiro fabricante mundial de veículos elétricos, com mais de 10.000 unidades vendidas. O Grupo possui um profundo conhecimento em termos de veículos elétricos e contribuirá para esse projeto com seu know-how na área de sistemas de tração elétrica.

Para a MMC, este acordo se inscreve em sua estratégia de veículos elétricos. O Grupo realiza atualmente testes e demonstrações do i MiEV no Japão, Nova Zelândia, Estados Unidos e Europa. O i MiEV será lançado no mercado japonês no verão de 2009. Em paralelo com o projeto de lançamento do veículo na Europa em 2010, a MMC estuda outros mercados, incluindo os Estados Unidos, onde lançar este veículo elétrico.

(1) Mitsubishi innovative Electric Vehicle, baseado no modelo «I»

Read Full Post »

Older Posts »