Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Tata Motors’

Nano será comercializado na Índia por US$ 2 mil.
Com motor de 624 cm3, carro roda em média 20 km/l.

015341225-ex00

O grupo indiano Tata Motors lançará oficialmente em 23 de março o carro mais barato do mundo, o Nano, que começará a ser vendido por distribuidores autorizados a partir de 23 abril, anunciou nesta quinta-feira (26) um porta-voz do grupo.

Batizado como “o carro do povo”, o Nano, que será vendido a US$ 2 mil (pouco mais de R$ 4 mil) na Índia, possui um minúsculo motor de 624 cm3 com 30 cavalos de potência e seu consumo é de 20 km/l. Sua versão mais básica não tem ar condicionado, nem vidros automáticos ou direção hidráulica.

Sem previsão de chegada ao Brasil, realmente, será uma briga boa e de muitas vendas, forçando as outras montadoras a baixar seus preçostata-motors-logo-1, resultado, competitividade. Graças aos altíssimos impostos em automóveis, o “carro do povo” não custará apenas R$ 4 mil, provavelmente, entre R$ 10 mil e R$ 15 mil, mas já é bem interessante. 

 Preocupante é como deve ficar o transito de São Paulo com a chegada do Tata, nao é mesmo?

 

Fonte: Divulgação

Read Full Post »

Em 2009, teremos uma novidade na Formula 1, mais especificamente na Escuderia Ferrari. Pela primeira vez em toda sua história, a Ferrari irá estampar a marca de uma empresa Indiana.

Se trata da Tata Motors, subsidiária da Tata Group, adquiriu os direitos para patrocinar a Escuderia Italiana ano que vem. Os valores e a duração não foram revelados ainda.

A parceria não é “traição” à Fiat, dona da marca de supercarros, mas se trata de uma parceria que as duas tem em alguns empreendimentos, então não seria prejudicial a ninguém ao que parece. Apesar de tudo a Escuderia afirma que exige patrocínios tais como este para competir em algo caro como a Fórmula 1.

Para a Tata, colocar seus logotipos incorporados em carros de corrida como os da Ferrari associa-os com uma das marcas mais prestigiadas do mundo, um movimento que vêem indubitavelmente como a chave de seu impulso para se transformar uma força automotiva global.

Fonte: Autoblog

Read Full Post »